quinta-feira, 15 de maio de 2008

Valcir o Grande

Valcir O Grande
o Grande homem por detras
da figura quase ausente
o poeta brilhante
por tras de tantos versos desconhecidos
te conheço amigo e sei
de sua sede
se sua furia
de sua genialidade
o sereno homem
(talvez mais sereno que eu)
o grande poeta
que me fez acrediat em certas palavras
sua mágica e lucida
prosódia me norteam
Queria ser como você
poeta e dono
de um mundo em cinzas,
poeta que reinventa o fogo
onde a chama estava enxtinta
Eu também vejo Pessoas Vivas
e que reinventam a vida a cada dia
em forma de abraço e poesia
quem me derá ser como ti
sensato
e poeta ao mesmo tempo.
raio de lucidez.

Nenhum comentário: